Notícias

1 12/09/2019 17:23

Ação judicial movida pela Prefeitura Municipal de Amargosa consegue suspensão de liminar que interrompia atividades dos frigoríficos baianos.

No dia 09 de setembro foi divulgado o resultado da avaliação nos frigoríficos brasileiros que se propõem a exportar para a China. Nos dados apresentados pelo Ministério da Agricultura, 25 empresas brasileiras estão habilitadas a realizarem a comercialização de carnes com o país asiático, dentre eles o de Amargosa, único em toda a Bahia.

Na manhã dessa quarta-feira, foi apresentada a decisão do vice-presidente do TRF, Kassio Marques, presidente em exercício, determinando a suspensão que decidiu por interromper as dos frigoríficos no estado da Bahia.

O presidente em exercício do TRF da 1ª região entendeu que a liminar concedida pela juíza de primeiro grau, fere a economia pública. Uma vez que com as atividades interrompidas, as localidades ficam impossibilitadas de realizar a comercialização dos produtos e também apresentam déficits na geração de emprego e renda, como consta no processo movido pela cidade de Amargosa.

Segundo o Prefeito Júlio Pinheiro, o pedido de suspensão da liminar foi realizada imediatamente após a paralisação das atividades do frigorífico. Ainda segundo ele, a vitória no resultado do processo é fruto de muito empenho e dedicação para com o povo de Amargosa. Para o prefeito, a reabertura do frigorífico é uma notícia muito feliz para a cidade. “Essa é a segunda empresa privada que mais gera emprego no município, ajudando no desenvolvimento da economia local, que já vem batendo recordes desde o ano de 2017”.

A determinação apresentada pelo Tribunal Regional Federal da Primeira Região possibilita de forma imediata o retorno das atividades do frigorífico de Amargosa. A vitória judicial do processo movido pelo município vai garantir uma maior expansão, desenvolvimento e crescimento da economia da cidade.

 

DICOM







Av. Governador Lomanto Júnior - Edifício União Empresarial Center, nº 23 - Centro - Amargosa/BA.
Tel.: (75) 3634-3239 | 9 9803-1023 (Whatsapp) - Vale a pena ouvir!
© 2010 - Rádio Vale FM - Todos os direitos reservados.